Ano novo,vida nova, ano novo, mente nova!

O início de ano não é feito só de festas, comidas e bebidas, mas também de novas (ou velhas) resoluções. A chegada de um novo ano é o momento ideal para traçar metas para os dias que virão. Das mais comuns estão “ir à academia”, “começar uma dieta”, “se alimentar melhor”, etc., contudo, além da saúde física, dedicar tempo e disposição para cuidar da saúde mental também é um ponto fundamental para uma vida equilibrada e saudável.

Estar mentalmente saudável, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS) é o estado de bem-estar no qual uma pessoa consegue desempenhar suas habilidades, consegue lidar com as inquietudes da vida, é capaz de trabalhar de forma produtiva e contribuir para a sua comunidade.

Para lembrar as pessoas de cuidarem não só da saúde física, mas também da mental, psicólogos brasileiros criaram a campanha Janeiro Branco, que usa o mês em que tradicionalmente as pessoas estão mais focadas em resoluções e metas para o ano para instigar nelas um maior cuidado com o seu bem-estar psíquico.

Como parte da campanha Janeiro Branco, os psicólogos também sugerem que as pessoas possam ser mais sinceras e transparentes com os seus desafios psicológicos, buscando ajuda e apoio sempre que necessário. Confira abaixo algumas das medidas que a campanha Janeiro Branco sugere para ajudar as pessoas a buscarem uma saúde mental e emocional mais plena.

  1. Reflita: com o ano novo, será que você pode ser uma nova pessoa? Aproveite o momento de reflexão do ano novo para pensar o que você pode mudar na sua vida para torná-la mais feliz.
  2. Aceite os ciclos: assim como os anos que se iniciam e acabam, a vida também é feita de ciclos. Esteja pronto para concluir os ciclos que não te fazem bem e se prepare para os novos que irão começar!
  3. Se prepare para agir: com o novo ciclo de 12 meses que se inicia agora, o que você pode se preparar para fazer que possa te levar a ter uma vida mais saudável e feliz?

 

A Gratidão como ferramenta de apoio na promoção da saúde mental

O ato de agradecer, de enxergar o lado bom nas pequenas coisas é muito benéfico para a saúde física e mental. Segundo a Psicóloga e autora do livro “Gratidão: 101 Motivos para Agradecer”, Marcia Luz comenta que quem exercita focar o positivo não está imune a problemas. Mas, está mais apto a reagir a eles e a se recuperar mais rapidamente do que quem costuma dar mais atenção ao negativo. Quando a pessoa não está fortalecida, ela paralisa, quem agradece tem muito mais resiliência.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *